terça-feira, 26 de maio de 2015

"Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com seu amante."
Clarice Lispector


De repente, dos olhos mareados nasceu um sorriso. Aquela solidão era, na verdade, um portal para a liberdade. 


Nenhum comentário: