sexta-feira, 3 de abril de 2015

da sombra, trazer a luz
e deixar nascer o bicho que me mora
no medo, vestir-me de coragem
e encarar o desafio de traçar seus olhos
e de repente, como num passe de mágica,
vê-los brilhar

a arte não tem segredo,
tem magia.

hoje acredito na minha força.
sou gato.


Nenhum comentário: